A saga Zoe em números, datas e cores

Um campeão europeu

Passaram-se perto de dez anos entre a apresentação inicial do concept-car ZOE Z.E., no final de 2009, e o lançamento do Novo Zoe. Durante este período, a Renault impôs-se como precursora e líder no domínio da mobilidade elétrica, impulsionada pelo sucesso do seu modelo de referência.

autonews.pt @ 24-6-2019 19:22:00

E se gosta de números e datas avance para as linhas seguintes.

Perto de 150 000 matrículas no final de maio de 2019. As vendas do ZOE não param de crescer desde o seu lançamento. Em acumulado, o número de unidades vendidas faz dele o automóvel elétrico mais representado nas estradas europeias.

Uma 18,2% de quota de mercado na Europa em 2018. Com perto de 40 000 novas matrículas, o ZOE representa cerca de um veículo elétrico por cada cinco vendidos à escala do continente. 

Mais de 60 distinções recebidas por toda a Europa. Regularmente elogiado pela imprensa, o ZOE renova, por exemplo, desde 2014 o título de «melhor veículo elétrico por menos de 30 000 libras» atribuído pela revista britânica What Car?. 

Mais de 4 mil milhões de quilómetros percorridos. O porta-bandeira da gama 100% elétrica da Renault realizou o equivalente a mais de 10 400 trajetos Terra/Lua… sem emitir um único grama de CO2 durante a utilização.

Mil milhões de euros. Em junho de 2018, o Grupo Renault anunciou um plano de investimentos que prevê, por exemplo, que, até 2022, sejam duplicadas as capacidades de produção do ZOE na fábrica Renault de Flins, na região de Paris.

Mais de 40 000 pessoas. É o número de colaboradores do Grupo envolvidos diariamente no projeto ZOE, desde a rede comercial até às equipas de engenheiros, passando pelas linhas de montagem.

 … e algumas datas

27 de setembro de 2012. A Renault apresenta o ZOE no Salão Automóvel de Paris.

11 de dezembro de 2014.Totalmente concebido e fabricado pela Renault é anunciado um novo motor elétrico. Lançado na primavera de 2015, melhora o rendimento energético e permite ao ZOE ganhar mais 30 quilómetros de autonomia com um desempenho equivalente.

30 de novembro de 2016. A segunda geração do ZOE beneficia do dobro da autonomia, graças à introdução da bateria Z.E. 40. Simultaneamente, são integrados inovadores serviços conectados pensados, especificamente, para simplificar o cálculo do itinerário e o carregamento da bateria.

19 de fevereiro de 2018. A incorporação do motor R110 permite ao ZOE uma recuperação 2 segundos mais rápida entre 80 e 120 km/h. 

21 de março de 2019. A Renault lança, nos Países Baixos e em Portugal, os primeiros protótipos do ZOE equipados com a tecnologia de carregamento bidirecional. Estes testes, realizados em condições reais, permitem preparar soluções de carregamento bidirecional que irão reforçar ainda mais o papel do veículo elétrico na transição energética.  

autonews.pt @ 24-6-2019 19:22:00