Quais são as principais características de um pneu desportivo?

Bridgestone ajuda a compreender

A Bridgestone revolucionou o cenário dos pneus desportivos com o novo Potenza Sport. Lançado este ano, o pneu ascendeu ao topo da sua classe pela sua elevada performance. Atingiu os melhores resultados nos testes de desempenho em curva e de manobrabilidade em piso molhado realizados pela TÜV SÜD e foi nomeado vencedor no teste de pneus desportivos 'Auto Bild Sportscars 2021'. O Bridgestone Potenza Sport superou os pneus de outros oito fabricantes nos testes, obtendo a melhor pontuação geral em piso molhado e as melhores notas em piso seco, obtendo uma classificação "exemplar".

autonews.pt @ 21-6-2021 10:48:00

Os condutores exigentes sabem que um bom pneu desportivo não só proporciona aderência em piso molhado e seco para curvas, travagem e aceleração, mas também precisão, estabilidade, resposta da direção, elevada durabilidade e uma sensação de segurança e confiança. Mas quais são as principais características de um pneu desportivo, quais são os parâmetros pelos quais o seu desempenho é medido, o que sente um condutor quando conduz um automóvel com pneus desportivos de última geração?

Aderência lateral em piso molhado e seco

A aderência é o coeficiente de atrito entre a superfície do pneu e a superfície do asfalto. Um pneu gera aderência através de dois tipos de mecanismos de tensão: indentação e aderência molecular. A primeira é a interação entre a rugosidade da superfície da estrada e o material do pneu. Como a borracha é viscoelástica, deforma-se e adapta-se à textura da superfície da estrada à medida que desliza sobre ela. A aderência molecular é a interação molecular entre a borracha do pneu (um polímero) e a superfície da estrada (uma estrutura cristalina). A adesão não é um valor estável e depende de múltiplos fatores. A aderência de um pneu pode ser lateral (durante as curvas) ou longitudinal (durante a aceleração e travagem).

Um dos requisitos fundamentais de um pneu desportivo é conseguir a máxima aderência lateral e que a quebra desta aderência ocorra de forma progressiva, de modo a que o deslizamento do carro seja mais previsível e controlável pelo condutor.

O Bridgestone Potenza Sport tem um alto índice de aderência lateral tanto em condições secas como molhadas, onde obteve a melhor classificação em estabilidade em curva seca (teste TÜV SÜD); e manobrabilidade e desempenho em piso molhado numa pista circular (teste Auto Bild Sportscars 2021). O condutor sente que o carro tem mais aderência na curva, pode gerar mais aceleração lateral e ganhar velocidade segura nas curvas.

Para atingir este objetivo, a Bridgestone utilizou tecnologias inovadoras de banda de rodagem, composto e estrutura no Potenza Sport. O desenho do piso utiliza as tecnologias mais avançadas, tais como “sipes” 3D inovadores para aumentar a rigidez lateral e a utilização de menos “sipes” transversais para aumentar a superfície de borracha em contacto com a estrada. O composto de borracha emprega uma formulação otimizada e tecnologia inovadora de mistura de compostos para melhorar o desempenho tanto em piso húmido como seco.

Aderência longitudinal em condições secas e húmidas

A aderência longitudinal é a aderência que ocorre durante a linha reta, aceleração e travagem. O Bridgestone Potenza Sport provou em testes ser um grande executante em condições de aquaplanagem e o líder do segmento em travagem, onde demonstrou a distância de travagem mais curta tanto em condições secas como molhadas. Como resultado, a Auto Bild sportscars descreveu-o como "uma nova referência" na manobrabilidade em piso molhado.

O Bridgestone Potenza Sport também foi concebido para poder transmitir para a estrada, com elevada eficácia, potências como as do Maserati MC20 ou Lamborghini Huracán STO, que utilizam o Potenza Sport como equipamento de origem.

Elevada estabilidade e controlo a qualquer velocidade

Os pneus desportivos são concebidos para funcionar com precisão e segurança a velocidades muito elevadas (o Bridgestone Potenza Sport pode ter um código de velocidade Y até 300 km/h). A Bridgestone utilizou neste pneu um novo endurecedor de coroa híbrido e uma carcaça desportiva para maximizar a estabilidade a alta velocidade. Os perfis baixos do pneu também ajudam nesta área.

Resposta da direção

Um pneu desportivo deve oferecer uma resposta de direção precisa e direta. O condutor deve sentir que o pneu vai exatamente para onde quer que vá e que marcou com a direção. Por outro lado, a resposta do pneu ao movimento do volante deve ser tão verdadeira e direta quanto possível, com o mínimo de flexões da carcaça e desvios de aderência que provoquem um atraso entre o comando do condutor e a viragem efetiva do carro.

As tecnologias de reforço utilizadas no flanco e coroa do pneu conferem-lhe maior resistência à flexão; e o desenho da carcaça, com um contorno desportivo e ombros menos arredondados, melhora o controlo da direção, bem como aumenta a área de contacto e maximiza o desempenho de estabilidade.

Um “feeling” que transmite confiança

A Bridgestone entrevistou mais de 3.800 condutores na Europa para saber o que eles pediam exatamente de um pneu desportivo. Para além da aderência, estabilidade, segurança em todas as condições e muitos outros pedidos, os condutores explicaram que a capacidade de um pneu transmitir informação é importante para o condutor compreender e prever as suas reações. Outro aspeto valorizado de um pneu desportivo é que as suas reações em situações limite são progressivas, ou seja, que perde aderência de uma forma suave e linear, não abrupta, a fim de oferecer um comportamento mais controlável e seguro.

Ambos os aspetos só podem ser alcançados após milhares de horas de desenvolvimento e testes reais de centenas de protótipos em que os peritos da marca avaliam o "feeling" e as sensações que os pneus transmitem. Este trabalho de desenvolvimento é complementado pela tecnologia de desenvolvimento virtual de pneus da Bridgestone, que poupa tempo, é amiga do ambiente e permite à Bridgestone prever com precisão o desempenho dos pneus nas fases iniciais de desenvolvimento.

Ampla gama de temperaturas de funcionamento

Um pneu de competição pode suportar temperaturas muito elevadas durante a utilização intensiva em pista, mas não é capaz de proporcionar aderência a temperaturas médias e baixas. A Bridgestone alcançou uma gama muito ampla de temperaturas ótimas de funcionamento com o novo Potenza Sport. Como resultado, oferece segurança, durabilidade e aderência numa manhã fria de Inverno ou numa tarde quente de Verão. O novo composto de borracha é fundamental a este respeito.

Durabilidade

Um dos grandes segredos do novo Bridgestone Potenza Sport é a sua capacidade de combinar excelentes prestações em todos os terrenos, com uma maior resistência ao desgaste. Conseguiu melhorar substancialmente todos os indicadores do seu antecessor, o Potenza S001, e também alcançar uma maior quilometragem e uma vida útil mais longa. 

autonews.pt @ 21-6-2021 10:48:00


Clique aqui para ver mais sobre: Sabia que, Curiosidades sobre Carros / Automóveis