Elisabete Jacinto no Morocco Desert Challenge

A piloto Elisabete Jacinto e a equipa Bio-Ritmo® levam a cabo os últimos preparativos para a participação no Morocco Desert Challenge, um dos maiores ralis de todo-o-terreno da atualidade que cumpre este ano a sua décima edição.

autonews.pt @ 26-3-2018 17:32:37

O Morocco Desert Challenge, que se realiza em Marrocos, contou este ano com um significativo aumento no seu número de participantes, revelando-se assim uma prova de sucesso. Com um total de 705 pessoas envolvidas provenientes de 24 países diferentes, das quais 18 são portuguesas, apresenta 180 equipas inscritas à partida: 95 nas categorias 4x4, SSV e Buggys; 55 em Motos e Quads e 30 em Camiões.

As suas características singulares distinguem-no de outros ralis e o facto de a organização apostar na dinamização da categoria camião torna esta corrida bastante aliciante para Elisabete Jacinto: “Esta organização distingue-se das demais pela sua grande aposta nos camiões. Assim, a competitividade nesta categoria é muito grande tornando-se, para nós, um grande desafio conseguir um bom resultado... mas esse é o nosso objectivo e estamos confiantes. Empenhámo-nos bastante na preparação do MAN e fazemos votos de que a sorte esteja do nosso lado”, contou a portuguesa.


A grande atratividade deste rali resulta de um conjunto de vários factores dos quais se destaca um percurso diferente do habitual, que se desenvolve de sul para norte e de costa a costa, começando em Agadir, na costa do Atlântico e terminando em Saïdia, na costa do Mediterrânico. Etapas longas e particularmente difíceis que chegam a atingir 500 km de extensão, mas com uma total ausência de ligações, são bastante apreciadas pelos concorrentes. As oito jornadas deste rali desenrolam-se em zonas absolutamente desérticas obrigando a acampamentos todas as noites, reforçando o conceito de maratona e obrigando os concorrentes a difíceis condições de vida. Para além destes aspectos, há ainda a destacar a disponibilidade da organização para comunicar em quatro línguas distintas e para proporcionar uma boa conjugação de equipas amadoras e profissionais.

Os portugueses partem já no início do mês de Abril para Marrocos para competir neste rali onde tem a ambição de alcançar um lugar de topo entre os camiões.

autonews.pt @ 26-3-2018 17:32:37