BMW Levanta o véu sobre a sua participação na Formula E

5ª Temporada com o piloto português António Félix da Costa

Dentro do planeado a BMW i Andretti Motorsport iniciou o processo de revelação da sua participação na ABB Formula E, a competição de carros totalmente elétricos apadrinhada pela FIA. A BMW apresentou os pilotos oficiais que vão conduzir o seu muito aguardado iFE.18, confirmando-se o piloto português António Félix da Costa ao volante deste novo carro.  

autonews.pt @ 14-9-2018 18:58:25

Assim confirma-se a constituição da equipa de pilotos da BMW com António Félix da Costa (POR) e do seu novo companheiro Alexander Sims (GBR). Para Félix da Costa “Conheço a Fórmula E muito bem e sempre achei que a BMW entraria como fabricante um dia. Agora, fazer parte dessa equipe é um motivador incrível ”.

Já Alexandre Sims - um piloto experiente da BMW - teve sua primeira experiência na Fórmula E enquanto testava o carro antes da temporada inaugural em 2014, bem como na quarta temporada da Andretti no ano passado. “A Fórmula E tornou-se rapidamente o lugar para os principais fabricantes e principais pilotos competirem. Sinto-me honrado em receber esta responsabilidade em colaboração com a BMW i Motorsport ”, disse Sims.

Noutros detalhes sobre a sua equipa da Formula E, a BMW informou que esta equipa continuará a ser liderada pelo chefe de equipe Roger Griffiths com total apoio da equipe Andretti Autosport e de Michael Andretti. "Mal posso aguardar para ver a BMW i Andretti Motorsport entrar na pista na quinta temporada. Acredito que temos parceiros, pilotos e técnicos certos para competir ao mais alto nível da Fórmula E ”, disse o CEO da Andretti Autosport, Michael Andretti. “Ambos os lados se dedicaram ao desenvolvimento do novo BMW iFE.18 e estou ansioso para vê-lo em ação. Nesta 5ª temporada vamos entrar não apenas numa nova era da Fórmula E, mas no automobilismo como um todo ”.

O logotipo mundialmente famoso do fabricante alemão vai ser colocado pela primeira vez no nariz do carro totalmente elétrico Gen2, com os icônicos quartos azuis, brancos e pretos criando a base para uma decoração verdadeiramente única que será, sem dúvida, reconhecível através do circuitos urbanos de alta velocidade.

A mesma tecnologia usada para criar o BMW i3, o carro médico oficial do Campeonato ABB FIA de Fórmula E, também serviu de referência para a motorização do carro da BMW da segunda geração da competição (Gen2): maior potência, maior autonomia e maior aerodinâmica entre outros.

 "A experiência da BMW no BMW iFE.18 é principalmente no coração do veículo, o motor e o sistema de transmissão", disse o diretor da BMW Motorsport, Jens Marquardt. “Foram os engenheiros de produção em série da BMW que projetaram o motor elétrico e o inversor para uma maior desempenho, maior eficiência, e o menor peso. Quando chegamos a esse ponto, pode-se pensar em integrar estas conquistas na produção em série mais tarde. ”Nossos engenheiros da BMW Motorsport projetaram o eixo traseiro incluindo a suspensão e tiveram que integrar a motorização na traseira do carro de corrida. O conhecimento que ganhamos neste ambiente altamente competitivo regressa de volta para o desenvolvimento da produção em série. Esta é a aplicação perfeita do nosso lema: da pista para a estrada. ”

Para Klaus Fröhlich, membro do Conselho de Administração da BMW AG e Motorsport,   “A Fórmula E não é apenas uma competição inovadora e espetacular que se estabeleceu como uma das principais séries de corridas do mundo, mas também pela sua abordagem totalmente nova na direção da sustentabilidade. Para a BMW, também é o laboratório de testes perfeito para desenvolvimento da produção. A transferência de tecnologia entre o automobilismo e a produção em série é intensa”.

autonews.pt @ 14-9-2018 18:58:25

Galeria de fotos