Fórmula E: DS Techeetah mantém-se na corrida para os títulos

Equipas e pilotos: tudo em aberto para a final em Berlim

Não há dias iguais no emocionante universo do Campeonato do Mundo FIA de Fórmula E. A prova disso é que, neste momento, tudo será decidido na dupla jornada final em Berlim.

autonews.pt @ 26-7-2021 16:33:44

A segunda corrida do E-Prix de Londres não teve o desfecho desejado para a DS TECHEETAH, pois António Félix da Costa e Jean-Éric Vergne não conseguiram retirar todo o potencial do DS E-TENSE FE21 de modo a pontuar nos campeonatos.

A equipa está já a preparar-se para a batalha final na Alemanha, retendo todas possibilidades de conquistar ambos os títulos. No campeonato de Pilotos, Félix da Costa está agora em quinto lugar, a 15 pontos do líder, enquanto Vergne está a 27 pontos. No campeonato de Equipas, a DS TECHEETAH está em quarto lugar a 17 pontos do comando.

Na corrida de domingo passado no E-Prix de Londres, disputada no circuito de ExCel, com 2,25 km de extensão, Vergne e Félix da Costa foram, respetivamente, o 12º e o 13º mais rápidos na terceira sessão de treinos livres, mas, mais uma vez, a qualificação foi um esforço frustrante, com António (no grupo 1) a ficar em P22 na grelha, e Vergne (no grupo 2), em P23.


Ambos os pilotos da DS TECHEETAH tiveram largaram bem, recuperando posições logo nas voltas iniciais, alcançado a 16ª (Félix da Costa) e 18ª (Vergne) durante a 6ª volta, quando teve lugar a primeira intervenção do ‘safety-car’. O piloto português progredia para a P12 mas, infelizmente, ao tentar a ultrapassagem a Lotterer, foi “entalado” pelo alemão contra o muro e foi forçado a abandonar.

Quanto a Vergne, apesar de ter o segundo ‘attack mode’ arruinado por uma das intervenções do ‘safety-car’, terminou a na 12ª posição.

Comentado os resultados do fim de semana de londre António Félix da Costa afirmou “

“...foi um dia difícil... Mais uma vez não nos qualificámos bem, pelas mesmas razões, mas na corrida, estávamos quase de volta ao top-10 quando fui empurrado para fora da pista... É duro, podíamos ter conquistado valiosos pontos. Agora vamos para o confronto final em Berlim, teremos de lutar pelos nossos títulos, como fizemos no ano passado, e estou confiante de que, como equipa, daremos o nosso melhor”.

A propósito, Jean-Éric Vergne, declarou que “... Não era bem este o domingo com que estávamos a contar... Muitos acidentes e muitos pilotos a terminar a corrida com os carros danificados. É uma grande desilusão. Arranquei em último e recuperei até ao 14º lugar. Agora temos de manter a calma e continuar a trabalhar arduamente. Ainda há duas corridas e estamos prontos para a luta final em Berlim”.

António Félix da Costa, DNF:

“Hoje foi um dia difícil... Mais uma vez não nos qualificámos bem, pelas mesmas razões, mas na corrida, estávamos quase de volta ao top-10 quando fui empurrado para fora da pista... É duro, podíamos ter conquistado valiosos pontos. Agora vamos para o confronto final em Berlim, teremos de lutar pelos nossos títulos, como fizemos no ano passado, e estou confiante de que, como equipa, daremos o nosso melhor”.

autonews.pt @ 26-7-2021 16:33:44

Galeria de fotos


Clique aqui para ver mais sobre: FORMULA-E - Campeonato Mundial de Automóveis Elétricos