Renault Cacia já produz a nova caixa de velocidades

Em exclusivo para todo o Grupo Renault

Dois anos depois da Renault S.A. e do AICEP, na presença do Primeiro-Ministro António Costa, terem formalizado um investimento superior a 100 milhões de euros na Renault Cacia, a fábrica iniciou a produção – em exclusivo – da caixa de velocidades com o código JT 4. Destinada aos modelos da Renault, Clio, Captur e Mégane, e da Dacia, Sandero e Duster, só esta referência será responsável, em 2021, por cerca de 70% do volume de negócios da Renault Cacia.

autonews.pt @ 7-12-2020 18:27:09

Com recurso a uma linha de montagem específica, a Renault Cacia já iniciou a produção da caixa de velocidades JT 4, sendo de sublinhar que é a única fábrica do Grupo Renault, no mundo, a produzir a referência. Uma opção estratégica, também sustentada pelo facto da unidade portuguesa ter vindo a ser considerada, nos últimos anos, e de entre todas as fábricas de componentes mecânicos do Grupo e da Aliança Renault-Nissan, como a melhor na produção de caixas de velocidades, segundo os exigentes critérios de Qualidade, Custo e Prazo.

Na sequência deste investimento, um investimento superior a 100 milhões euros, a Renault Cacia já tem a capacidade de fornecer 500.000 unidades/ano da caixa de velocidades JT 4 às diversas fábricas de montagem de automóveis espalhadas pelo mundo.

No primeiro quadrimestre de 2021, a capacidade de produção será aumentada para 550.000 unidades/ano.

A caixa de velocidades JT 4 equipa os motores Renault a gasolina 1.0 (HR10) e 1.6 (HR16) que estão disponíveis em cinco diferentes modelos: Renault Clio, Captur e Mégane, e Dacia Sandero e Duster.

Para Christophe Clément, Diretor da Renault Cacia, “o início da fabricação da nova caixa de velocidades do Grupo Renault é um marco histórico para a Renault Cacia. Não só porque se trata de um produto de topo na tecnologia de caixas manuais como, para a sua fabricação, a Renault Cacia fez um grande investimento na qualificação dos seus Recursos Humanos. A atribuição em exclusivo deste produto à Renault Cacia é a prova da competência desta fábrica que vê assim o seu futuro imediato assegurado com esta nova caixa de velocidades”.

Para além de caixa de velocidades, a Renault Cacia produz muitos outros componentes para o Grupo Renault, nomeadamente bombas de óleo (é o maior fornecedor do Grupo), árvores de equilibragem, bem como outras referências para caixas e componentes mecânicos. Com uma produção tão especializada e diversificada, pode dizer-se que, em cada automóvel Renault que circula no mundo, existe pelo menos um componente fabricado na Renault Cacia.

Em 2021, a Renault Cacia cumprirá o 40º aniversário. A unidade está situada num complexo industrial de 340.000 m² de área total, dos quais 70.000 m² de área coberta, sendo a segunda maior do setor automóvel, em Portugal, em número de colaboradores, num total de 1.380.

autonews.pt @ 7-12-2020 18:27:09

Galeria de fotos


Clique aqui para ver mais sobre: Auto News, Mercado Automóvel e Novidades