Audi testa novo processo de selagem prévia de pintura

Em parceria de desenvolvimento com a Atlas Copco

Nas suas instalações de pintura em Gyor, Hungria, a Audi está a testar um novo método de vedação da estrutura dos seus automóveis. Imediatamente antes de o carro receber o acabamento da pintura, um material de vedação em pasta é aplicado em áreas como as costuras da solda. Esta solução melhora a acústica do veículo, protege contra a corrosão e consolida o isolamento do interior. 

autonews.pt @ 17-9-2019 13:07:20

O novo método garante total liberdade na determinação da espessura e largura do material a ser aplicado. Esta flexibilidade torna possível aplicar o material de vedação de forma mais rápida e com extrema precisão.

O novo processo automatizado é designado pela marca como vedação digital. Um aplicador guiado por robô deposita no corpo gotículas ultrafinas de qualidade uniforme com precisão incrível.

Em preparação prévia, operadores treinados no novo sistema programam a largura e espessura ideais do material a ser aplicado. Graças à precisão envolvida, quase nenhum material de vedação é desperdiçado. Além disso, como é usado menos material é usado, o peso total do veículo é reduzido em vários quilogramas - e cada quilograma economizado melhora a dinâmica do veículo e reduz as emissões de carbono.

O novo processo também é bom para os funcionários, pois o trabalho deles será muito mais fácil em termos de ergonomia. Os benefícios do novo método são mais aparentes em locais de difícil acesso, sujeitos a exigentes requisitos de qualidade em relação a vedações de localização difícil.


No passado, essas etapas do processo geralmente exigiam muita experiência e significavam ergonomia exigente, incluindo trabalho aéreo na parte inferior do veículo.

Outro exemplo das vantagens deste novo método é a selagem dos recortes das luzes traseiras, conhecidas como “caixa de lâmpadas”. A Audi e sua parceira de desenvolvimento Atlas Copco agora estão a experimentar o novo método numa instalação de produção em série pela primeira vez na pintura.

O novo processo automatizado também economiza tempo e melhora a aparência visual das vedações, graças ao seu nível consistente de precisão. Este novo processo já foi objeto de um pedido de patente, e o método deve ser adotado noutras fábricas.

autonews.pt @ 17-9-2019 13:07:20