Toyota Hilux de Al-Attiyah/Baumel vence o Dakar 2022

Toyota GR DKR Hilux T1+ ao longo das 12 desafiantes etapas e 4261km

A dupla da Toyota Gazoo Racing, Nasser Al-Attiyah e o copiloto Mathieu Baumel aos comandos da Toyota GR DKR Hilux T1+ venceram o Rali Dakar de 2022. Terminaram na 1ª posição com uma vantagem de 27min 46seg. Esta é a segunda vitória do piloto do Qatar com a Toyota, tendo vencido a prova no ano de 2019.

autonews.pt @ 17-1-2022 15:10:26

Para Nasser e Mathieu, a fase final foi uma mera formalidade, apesar de o Dakar ser sempre desafiador. A dupla já tinha assumido a liderança do rali durante a etapa de abertura do evento, e nunca mais largou a primeira posição. A dupla venceu o prólogo a 1 de janeiro e venceram mais duas etapas a caminho do triunfo final do Dakar 2022.

Para Nasser, esta vitória é muito significativa. Desde que o Dakar se mudou pela primeira vez para a Arábia Saudita em 2020, o piloto de Doha sempre manifestou uma grande vontade de vencer no mundo árabe. Esteve muito perto em 2020 e 2021, e agora, em 2022, garantiu a sua primeira vitória na Arábia Saudita. Ao mesmo tempo, a vitória significa muito para a equipa que desenvolveu a novo Toyota GR DKR Hilux T1+, que conta com jantes e pneus maiores, uma suspensão com maior capacidade, e um motor V6 bi-turbo de 3,5 litros que também alimenta o novo Toyota Land Cruiser GR Sport. Ganhar a corrida com um carro novo é uma prova da capacidade da equipa em ultrapassar continuamente os limites da engenharia e “criar automóveis cada vez melhores”.


A etapa final foi também uma redenção para a dupla Henk Lategan e Brett Cummings, que sacrificaram as suas próprias aspirações a uma posição mais alta na geral para esperarem que os seus principais companheiros de equipa passassem por eles na 11ª etapa, a fim de dar apoio se necessário. Mas na derradeira 12ª etapa, venceram a etapa em 1hr 35min 19seg, batendo a oposição por 49segundos.

Para Giniel de Villiers e o copiloto Dennis Murphy, a edição de 2022 da “mais dura corrida do mundo” trouxe muitos altos e baixos. No entanto, foi um tubo de óleo furado, a meio da corrida, que terminou com as suas aspirações de um pódio. Apesar disso, os sul-africanos seguiram em frente, vencendo uma etapa, e merecidamente alcançando um lugar no Top 5.

O Dakar 2022 serviu para Shameer Variawa e copiloto Danie Stassen ganharem mais experiência com a Hilux, uma vez que ultrapassaram muitos obstáculos e conseguiram bons tempos. A dupla terminou em 15º lugar da geral. Este foi o segundo Dakar de Shameer e para o seu copiloto foi uma estreia a terminar a mítica prova.

O Dakar 2022 foi a 44ª edição da icónica prova, que teve lugar pela primeira vez em janeiro de 1978. O evento decorreu no norte de África até 2007. O evento de 2008 foi cancelado devido a uma ameaça terrorista, levando o Dakar para a América do Sul em 2009, onde permaneceu durante uma década. Em 2020, realizou-se a primeira edição da Arábia Saudita do evento, com a edição de 2022 a percorrer 4261 km de etapas competitivas.

Classificação final após a 12ª etapa:

1. Al-Attiyah (QAT) / Baumel (E) TOYOTA GAZOO Racing 38hr 33min 3seg

2. Loeb (FRA) / Lurquin (BEL) Raid do Bahrein Xtreme +27min 46seg

3. Al Rajhi (SAU) / Orr (GBR) Overdrive Toyota +1hr 1min 13seg

4. Terranova (ARG) / Carreras (ESP) Bahrain Raid Xtreme +1hr 27min 23seg

5. De Villiers (ZAF) / Murphy (ZAF) TOYOTA GAZOO Racing +1hr 41min 48seg

autonews.pt @ 17-1-2022 15:10:26

Galeria de fotos


Clique aqui para ver mais sobre: Desporto, Formula 1, Ralis, Pista, TT