Dacia com resultado histórico em Portugal em 2021

Dacia conquistou uma quota histórica de 4%

A história da Dacia, em Portugal, remonta a 24 de abril de 2008, data em que foi lançada comercialmente no país. Mas, a verdade, é que, em pouco mais de uma década, a marca do Grupo Renault tornou-se num fenómeno do mercado automóvel. Os resultados comerciais conquistados em 2021 são disso exemplo e logo no ano em que beneficiou de uma estrutura e equipa independentes no seio da Renault Portugal. 

autonews.pt @ 24-1-2022 12:19:30

A Dacia conquistou uma quota recorde de 4% no mercado de veículos de passageiros, correspondente a 5.825 unidades vendidas – mais 25,6% em relação a 2020. Uma percentagem ainda mais expressiva, tendo em conta que o mercado cresceu apenas 0,8% e que se fizeram sentir os constrangimentos causados pela pandemia e pela crise relacionada com a escassez de semicondutores.

Importante realçar que 25% das 5.825 unidades comercializadas no mercado de veículos de passageiros, teve como origem o digital, consequência da estratégia da marca em se afirmar cada vez mais neste canal.

Um dos principais responsáveis pelo sucesso comercial da marca foi o DACIA Sandero, o automóvel preferido dos clientes particulares portugueses, com um total de 3.000 unidades vendidas, mais 43,2% do que em 2020. O modelo representou 58% das vendas totais da marca no país, 42% referente ao Sandero Stepway e 16% ao Sandero. Mas para além de ter liderado as vendas a clientes particulares, o Sandero entrou, pela primeira vez, no Top-10 dos automóveis mais vendidos em Portugal e logo com o 7º lugar do “ranking”. Um resultado notável, até pelo facto de ser alcançado num mercado maioritariamente sustentado em clientes frotistas.

Com 1.786 unidades vendidas, mais 35% do que em 2020, o DACIA Duster foi o terceiro modelo no sub-segmento dos C- SUV mais vendido no mercado. Mais um caso de sucesso da Dacia, por conciliar, como nenhum outro, a vocação citadina e o “fora de estrada”. Sublinhe-se que as versões 4x4, perfeitamente adaptadas ao todo terreno puro e duro, foram responsáveis por 14% das vendas, em 2021.

Apesar da entrega das primeiras unidades apenas ter começado há escassas semanas, o Dacia Spring conseguiu ser responsável por 5% das vendas totais da marca, em Portugal. Um número que confirma o modelo como o símbolo da democratização da mobilidade elétrica. Um SUV compacto, de vocação essencialmente urbana (mas não só), surpreendente na agilidade, na robustez, no espaço que proporciona aos quatro passageiros e, claro, nos reduzidíssimos custos de utilização e que já conquista prémios. Com efeito, o Dacia Spring foi distinguido com o prémio “The Best Buy Car of Europe 2022” (“A Melhor Compra Automóvel na Europa 2022”) pelo júri europeu AUTOBEST. Destaque para o facto deste prémio ter sido vencido pela primeira vez por um automóvel 100% elétrico.  


Versões mais equipadas são as preferidas dos portugueses

Em 2021, os portugueses foram claramente adeptos das versões mais equipadas dentro de cada modelo da  Dacia, como confirmam os números: 76% de clientes do Sandero Stepway, 73% do Duster, 98% do Spring e 78% dos clientes do Lodgy optaram pelo nível de equipamento mais elevado quando processaram as suas encomendas.

No particular segmento dos automóveis movidos a Bi-Fuel (GPL+Gasolina), a Dacia foi a líder de vendas incontestada, representando 72% do mercado. Aliás, o motor ECO-G 100 Bi-Fuel da Dacia foi a opção preferencial dos clientes Dacia nos modelos Sandero Stepway (65%) e Sandero (39%). Já em relação ao Duster, os portugueses continuam a privilegiar o Blue dCi (42%), mas logo seguido pelo ECO-G 100 Bi-Fuel (29%).

Otimismo para 2022

Para a DACIA Portugal, o ano de 2022 ficará marcado por três lançamentos: o Spring Cargo, a versão comercial do 100% elétrico da marca; o novissimo Jogger, um novo conceito de automóvel familiar que pode ter até 7 lugares, que potencia a evasão, mas sem prejuízo do conforto, espaço e modularidade (chegada à Rede de Concessionários prevista para março); e no segundo semestre, a implementação da nova identidade de marca em toda a Rede de Concessionários.

autonews.pt @ 24-1-2022 12:19:30


Clique aqui para ver mais sobre: Auto News, Mercado Automóvel e Novidades