Estreia mundial do Drako GTE - o GT mais poderoso feito até hoje

Quatro passageiros num supercarro de edição limitada

A Drako Motors, o fabricante de supercarros de Silicon Valley apresentou o seu primeiro supercarro elétrico de produção limitada, o Drako GTE. Considerado o GT mais poderoso feito até hoje, tem disponível uma potência de 1200 cavalos para uma velocidade máxima de 330 km hora.

autonews.pt @ 20-8-2019 14:04:41

Com uma arquitetura de motores totalmente elétricos, o GTE foi projetado para levar o condutor a um novo nível de experiências. São quatro motores síncronos híbridos com ímanes permanentes que podem gerar uma potência de 1.200 cavalos e um torque vetorizado de 8.800 Nm.

Cada uma das rodas da GTE está conectada a um motor caixas de engrenagens de acionamento direto separadas que permitem o controle individual de cada roda para um torque extremamente preciso.

O controle da potência e torque são ajustados por recuso a software que permite a vectorização do torque em cada roda com acertos de mais de mil vezes por segundo, garantindo a tração máxima na aceleração em linha reta e uma elevada segurança em qualquer tipo de superfície.

Sendo um carro genuíno de desempenho, a aerodinâmica desempenhou um papel central no design do GTE – linhas fluídas, que transmitem poder, agilidade e firmeza no chão e garantindo quatro ocupantes.

A remoção do capô integral de fibra de carbono da GTE apresenta uma vista magnífica diferente de qualquer outra veículo elétrico já feito. Inversores sob medida, sistema de arrefecimento e componentes de suspensão do GTE são totalmente visíveis para os apaixonados pelos carros.

Controle total do condutor


O painel chamado de “Quattro Manettino” projetado pela Drako, consiste em quatro interruptores montados no consola para escolher todos os aspetos da experiência de condução.

Controle total de vectorização de torque e controle de deslizamento, distribuição de potência na frente ou traseira e controle de travagem regenerativa de baixa granularidade, permitem que os condutores ajustem as características do sistema de tração ao seu estilo de condução.

O painel “Quattro Manettino” também fornece o capacidade de selecionar uma das seis condições da superfície da estrada - RACE, TRACK, DRY, RAIN, NEVE, ICE - otimizando o desempenho da GTE em todos os ambientes de condução.

Bateria refrigerada em paralelo

A bateria da GTE foi projetada a partir do zero para garantir uma entrega maximizada de energia e recursos para suportar o desempenho ao nível da pista nos circuitos mais desafiadores do mundo. Com 90 kWh de capacidade, possibilidade de produzir 1.800 amperes contínuos e 2.200 em pico, a bateria da GTE foi projetada para fornecer aos quatro motores GTE até 900 kW de potência ininterrupta.

Uma arquitetura interna de condicionamento da temperatura em paralelo integra inúmeros canais de arrefecimento em torno de cada célula de bateria individual para dissipar rapidamente o calor gerado pela alimentação do motor. Três radiadores generosos na frente do carro são alimentados com amplo fluxo de ar através de três entradas na seção frontal  para evitar o superaquecimento gerado pelo sistema do carro.

O GTE é compatível com a infraestrutura de carregamento de veículos elétricos atualmente disponível. O carregamento CA (corrente alterna) padrão utiliza o protocolo J1772 com o carregador de 15 kW a bordo do veículo. O carregamento rápido DC está disponível com Chademo ou CCS (Combined Charging System) com capacidades até 150 kW, proporcionando alta velocidade carregamento e conveniência em viagens de longa distância.


Cada um dos quatro motores deste GTE está emparelhado com um controlador de motor individual de alta capacidade, especificamente concebido para a resistência da condução extrema em pista e assegurara máximo desempenho. Com quatro controladores independentes, o GTE pode distribuir com precisão uma ampla faixa de potência de +225 kW a -225 kW em cada motor/roda com velocidade e precisão de milissegundos.

Conforto e disponibilidade

O chassi do GTE está equipado com componentes de nível superior, com uma suspensão Öhlins preparado dinamicamente para assegurar uma qualidade de passeio em estrada ou performance de pista.

Os travões dianteiros e traseiros são em cerâmica de carbono com aplicação da tecnologia Brembo, preparada para responder com rapidez à dinâmica do carro.

Relativamente aos pneus, o Drako GTE recebe os Michelin Pilot Sport Cup2 de 20 polegadas como pneus de pista e para a estrada o contacto com o piso é assegurado por pneus Michelin Pilot Sport 4S de 21 polegadas.

Uma distância entre eixos generosa permite que este supercarro de turismo premium,  acomode luxuosamente quatro passageiros e respetiva bagagem, proporcionando amplo espaço para as pernas e uma entrada e saída fáceis. Os assentos são projetados com uma mistura de couro costurado a mão e alcântara.

Para personalizar o GTE com exclusividade, os futuros proprietários podem configurar o seu carro selecionando de uma ampla variedade de cores, materiais e acabamentos no momento da reserva.

A produção deste Drako GTE vai ser de 25 unidades, com um preço de base superior a 1 milhão de euros, com as primeiras entregas previstas para 2020.

autonews.pt @ 20-8-2019 14:04:41

Galeria de fotos