Porsche Taycan entra na fase final de testes

Do frio ártico ao calor do deserto

O primeiro carro desportivo elétrico da Porsche, o Taycan, está a concluir os seus testes finais antes de entrar na produção em série. Na Escandinávia, a poucos quilómetros do Círculo Ártico, foi o primeiro ponto escolhido para testar o potencial do carro em termos de dinâmica de condução na neve e no gelo ... e ao mesmo tempo os engenheiros da marca estão a aproveitar o verão no hemisfério sul para testar o carro num outro momento do clima. 

autonews.pt @ 2-4-2019 20:41:27

A África do Sul foi o segundo ponto escolhido mas a marca ainda optou por um maior estremo de temperaturas no Dubai com provas de resistência e carregamento da bateria a temperaturas mais elevadas. No total a Porsche escolheu 30 países em todo o mundo e condições de meteorologia muito diferentes para realizar estes testes: o Taycan foi submetido a provas de utilização em ambiente real abrangendo temperaturas entre -35 até +50 graus centígrados.

“Depois de realizar simulações de computador e testes abrangentes em laboratório, chegamos agora à fase final deste programa de testes”, destaca o responsável da linha de modelos, Stefan Weckbach: “Antes de o Taycan ser lançado no mercado no final do ano, teremos percorrido aproximadamente seis milhões de quilómetros em todo o mundo. E estamos muito satisfeitos com o comportamento deste veículo ao longo dos testes. O Taycan vai ser um verdadeiro Porsche.”.

Para a Porsche os seus carros elétricos têm passar pelo mesmo rigoroso programa de testes que são aplicados aos carros desportivos com motores de combustão, incluindo naturalmente uma elevada  adequação ao uso diário em todas as condições climáticas. 

Características particularmente exigentes, como o carregamento da bateria ou o controle de temperatura do sistema de motorização são aspetos adicionais observados nos modelos alimentados por bateria. 

Outros objetivos típicos de desenvolvimento da Porsche incluem o desempenho do circuito, múltiplas acelerações, bem como utilização numa faixa de comportamento adequada para o uso diário.

Potencial de mais de 20.000 compradores

O Porsche Taycan será oficialmente lançado em setembro e ficará disponível no mercado no final do ano, sendo que em todo o mundo, já existem mais de 20.000 compradores potenciais. 

Os clientes potenciais numa lista de reserva com um adiantamento para segurar a reserva da viatura pretendida.

O Taycan acelera dos zero aos 100 km / h em menos de 3,5 segundos e tem autonomia prevista de mais de 500 quilómetros (de acordo com o antigo padrão NEDC). A arquitetura de 800 V do veículo garante que a bateria de íons de lítio possa ser recarregada em apenas quatro minutos, fornecendo energia suficiente para circular durante 100 quilômetros (padrão NEDC).

Alguns números sobre a fase de testes do Taycan

Distância total percorrida: Aproximadamente seis milhões de quilómetros, dos quais dois milhões foram testes de resistência;

Países: um total de 30, incluindo os EUA, a China, os Emirados Árabes Unidos (EAU) e a Finlândia;

Amplitude de temperaturas dos testes: de menos de 35 a mais de 50 graus Celsius;

Amplitude da humidade do ar: de 20 a 100 por cento;

Amplitude da altitude: de 85 metros abaixo a 3.000 metros acima do nível do mar;

Ciclos de carregamento: mais de 100.000 utilizando várias tecnologias de carregamento em todo o mundo;

Equipa de desenvolvimento: cerca de 1.000 pessoas, entre condutores, técnicos e engenheiros

>

autonews.pt @ 2-4-2019 20:41:27

Galeria de videos