Em Novembro chega o novo 508 Fastback da Peugeot

O mês de novembro marcará a chegada ao mercado nacional do novo Peugeot 508, uma proposta onde tudo muda: da arquitectura ao design – exterior e interior – passando pelo crescendo tecnológico, com benefícios claros para os ocupantes, quer em termos de vida a bordo, quer em sensações dinâmicas. 

autonews.pt @ 17-7-2018 15:17:33

nova arquitetura, rebaixada e compacta, completa um novo design exterior fluido e musculado, cortando com a silhueta clássica do passado e assumindo uma morfologia de berlina/coupé de 5 portas, ao melhor estilo fastback. Promessa de sensações intensas, fruto de um comportamento dinâmico exemplar, o novo PEUGEOT 508 conta com novos motores e uma vasta dotação tecnológica, representando um salto geracional em termos de qualidade.

Sublinha o seu estatuto no segmento D onde concorre com argumentos de peso, ao mesmo tempo que chama a si o protagonismo como porta-estandarte mundial da subida em gama na Peugeot.

O novo 508 apresentar-se-á em Portugal com uma gama dividida em 5 níveis de equipamento, designados por Active, Allure, GT Line, GT e Business Line, e ainda 6 motorizações já sob a norma Euro 6.2d-temp, com potências entre os 130 e 225 cv.

Para o Peugeot 508, a ambição dos designers da Marca era clara: passar de uma silhueta clássica de 4 portas, com um volume de bagageira, para uma morfologia de coupé de 5 portas, ao melhor estilo fastback. Os novos atributos conferem ao novo Peugeot 508 uma forte personalidade, reforçando a perceção concreta de uma qualidade topo de gama.

Um design atrevido

Ao primeiro olhar, o novo Peugeot 508 surpreende pela força da sua expressividade e a sua postura dinâmica. Trata-se de um automóvel baixo – apenas 1,40 m de altura – e apresenta linhas fluidas e aerodinâmicas num espírito coupé.

A secção dianteira é impressionante, talvez mesmo agressiva. A grelha estreita e trabalhada num padrão quadriculado impõe-se entre as óticas Full LED, inspiradas no Peugeot Instinct, o mais recente concept car da Marca. Com o Leão posicionado no centro da grelha e o logótipo “508” na extremidade do capot, o novo Peugeot 508 apela à tradição dos seus ilustres irmãos mais velhos Peugeot 504 e 504 Coupé.

A assinatura visual vertical das luzes diurnas em LEDs opalescentes assegura uma identidade forte e exclusiva. Longilíneas e adelgaçadas, estas luzes enquadram a frente do automóvel numa espécie de parêntesis, alongando-se dos grupos óticos dianteiros às entradas de para-choques.

O capot plano e recolhido foi rebaixado ao máximo a fim de conferir mais dinamismo ao conjunto. Foi trabalhado para oferecer as linhas o mais puras possível, tanto de frente como de perfil. Na indústria automóvel, este tipo de conceção do capot apenas é utilizado em veículos premium ou excecionais.

Visto de perfil, o novo Peugeot 508 revela proporções perfeitamente equilibradas, com uma postura forte. A linha de tejadilho é baixa, alongada e fluida, no mais puro padrão premium, num automóvel de aparência compacta, com um comprimento fixado nos 4,75 m.

As superfícies vidradas, perfeitamente integradas, tornam a silhueta ainda mais perfeita e revelam portas sem moldura. Nada interfere no perfil dinâmico: não há a típica interferência com o capot, os montantes das janelas ou as molduras das portas, as junções e os afloramentos encontram-se reduzidos graças ao melhor savoir-faire, as rodas foram adaptadas para preencher na perfeição os guarda-lamas, a antena de tejadilho foi suprimida (sendo agora um elemento em serigrafia). Deste modo, a Peugeot coloca a sua experiência ao serviço da estética e da qualidade.

Na traseira, encontramos uma faixa horizontal em preto brilhante, enquadrada pelas óticas traseiras, característica da expressividade dessa secção nos mais recentes modelos da Marca. Mas o destaque vai para as óticas traseiras Full LED tridimensionais, grupos óticos resultantes do trabalho realizado para os mais recentes concepts da Peugeot, desde o Quartz. Iluminados de dia e de noite, com uma intensidade adaptativa, permitem uma leitura permanente e apresentam garras coloridas desde a lateral ao centro da traseira, num conceito simultaneamente identitário, enriquecedor e que inspira confiança. Esta secção revela ainda uma das originalidades do modelo, num portão habilmente dissimulado, que concilia estilo e funcionalidade com uma acessibilidade otimizada à bagageira, com 487 litros de capacidade em água.

Um coupé de dimensões contidas

Com um comprimento total de 4,75 m, o novo Peugeot 508 posiciona-se entre as berlinas mais compactas do mercado mainstream, aproximando-se da concorrência premium. Relativamente semelhante ao Audi A5 Sportback, o novo Peugeot 508 é 11 cm mais curto do que o VW Arteon (4,86 cm).

Embora o seu comprimento tenha diminuído 8 cm face à anterior geração, a distância entre eixos – de 2,79 m – apenas foi reduzida em 2,4 cm, mantendo uma habitabilidade compatível com o tipo de utilização dos clientes do segmento.

As projeções de carroçaria dianteira e traseira foram reduzidas de forma a acentuar a dinâmica da silhueta e aumentar a agilidade em estrada e nas manobras. Assim, o raio de viragem é bem melhor do que o da anterior geração, com menos 1,5 m. Com 10,80 m entre passeios, o novo Peugeot 508 posiciona-se, desde já, como o melhor do seu segmento, incluindo os modelos de tração traseira.

É a sua altura excecionalmente contida de 1,40 m (menos 6 cm face ao modelo antecessor) que o torna tão longilíneo e perfeitamente equilibrado. Esta arquitetura baixa, possível graças à adoção de portas sem molduras, não implica quaisquer constrangimentos em termos da habitabilidade ao nível da cabeça (ver abaixo) e posiciona, desde já, o modelo como uma das grandes berlinas mais dinâmicas do mercado, a que mais se aproxima dos seus concorrentes, como o Audi A5 Sportback.

O novo Peugeot 508 beneficia também de uma aerodinâmica notável, com um Cx de 0,26 e um SCx de 0,57 m2. Por fim, as dimensões das rodas acompanham a subida em gama e adaptam-se a cada versão/nível de equipamento. Com medidas de 16 a 19 polegadas, estão disponíveis 8 propostas de jantes em toda a gama.


Uma habitabilidade otimizada

Graças à sua arquitetura otimizada, o novo Peugeot 508 apresenta, simultaneamente, dimensões compactas e um habitáculo adaptado ao tipo de utilização dos clientes deste segmento. Assim, se o espaço ao nível da cabeça é comparável à de um Audi A5 Sportback, a largura ao nível dos cotovelos nos lugares dianteiros atinge 1,455 m, ou seja, mais 5 cm do que no modelo alemão. O mesmo se passa nos lugares traseiros, onde o espaço disponível ao nível dos joelhos dos passageiros é mais generoso em 3 cm. Ao nível do comprimento, as cotas dos dois modelos são, portanto, rigorosamente iguais.

No que respeita à bagageira, para além do seu volume de 487 litros, destaca-se também uma funcionalidade inteligente graças ao seu portão traseiro ”Easy Open”. Este tipo de abertura permite otimizar as operações de colocação de bagagem/volumes, num espaço de volume global integralmente visível desde a abertura, graças a uma chapeleira Full Access desmontável, em que uma parte é solidária com o portão traseiro. Com as suas formas simples, a totalidade do volume disponível é mais facilmente aproveitável dado que o piso da bagageira é mais baixo e mais largo do que na geração anterior.

No campo da modularidade, conta com bancos traseiros rebatíveis assimetricamente (2/3 -1/3) e abertura para esquis integrada no apoio de braços central traseiro. Com os bancos traseiros rebatidos, a bagageira disponibiliza uma capacidade de 1.537 litros, contando com o aproveitamento total do espaço livre até ao tejadilho.

Um habitáculo ampliado pelo Peugeot i-Cockpit®

São já três as gerações do Peugeot i-Cockpit® que se impuseram como forte indicador das produções da Marca, que tem como elementos essenciais: um volante compacto, um touchscreen HD capacitivo com 10 polegadas de largura (8 polegadas no nível de equipamento Active), com formato 8/3 e um painel de instrumentos tipo head-up display, digital e de alta resolução com 12,3’’.

Inteiramente parametrizável e personalizável (tem 6 modos de visualização diferentes), este painel está posicionado sobre o aro do volante e agrupa, bem no eixo de visão para a estrada, todas as informações úteis à condução (incluindo a inédita visão noturna), contando com um touchscreen central tátil perfeitamente integrado no tablier, praticamente ao mesmo nível do painel de instrumentos.

Com uma dimensão de 8 polegadas no nível de equipamento de entrada Active, o touchscreen tátil capacitivo passa a ser de Alta Definição e de 10 polegadas a partir do nível Allure. É acompanhado por um conjunto de 7 toggle switches (teclas tipo piano) impecavelmente integrados no corpo do tablier e que possibilitam um acesso direto e permanente às principais funções de conforto: rádio, climatização, navegação, parâmetros do veículo, telefone, aplicações móveis e i-Cockpit® Amplify.

Bem em evidência na consola central, o comando da caixa automática de 8 velocidades é de funcionamento elétrico por impulsos. O seu design reforça ainda mais a modernidade do posto de condução e é parte integrante – juntamente com as patilhas no volante – do prazer de condução.

O novo Peugeot 508 dispõe igualmente do i-Cockpit® Amplify. Graças a este sistema, a escolha entre 2 ambientes totalmente parametrizáveis (“BOOST” e “RELAX”) apela aos sentidos. Atua, igualmente, nas funções dinâmicas do automóvel, através do seletor do modo de condução (ECO/Sport/Confort/Normal), sendo ainda enriquecido com o controlo do amortecimento, no caso das versões equipadas com suspensão pilotada.

Uma experiência de condução intensa

Em termos do prazer de condução, o novo Peugeot 508 não renega o seu ADN. Por conseguinte, beneficia das tecnologias e do savoir-faire desenvolvidos no grupo PSA.

A utilização da plataforma EMP2, seguramente uma das melhores plataformas atuais, capaz de garantir não só elevadas qualidades dinâmicas como também de integrar a espiral virtuosa de redução do peso (- 70 kg, em média, em relação à geração anterior), em benefício dos consumos, da segurança passiva e das performances. A implementação de uma nova técnica de soldadura da carroçaria reforçada com 24 m de cola estrutural, em benefício de uma maior rigidez e garantia de uma melhor resistência ao passar do tempo.

A pensar do conforto também vêm algumas opções tecnológicas importantes: berço dianteiro filtrado para assegurar uma suavidade de suspensão otimizada e no trem traseiro a adoção de multibraços associado, sendo que nas versões mais elevadas da gama, a suspensão é de amortecimento variável e pilotado – Active Suspension Control (de série nas versões GT e em todas as motorizações a gasolina, e em opção nas versões 2.0 Diesel). De assinalar a generalização de uma transmissão automática moderna e fiável através da utilização da nova caixa de velocidades automática de 8 relações EAT8, associada a um comando elétrico por impulsos.


Um conforto topo de gama e uma qualidade irrepreensível

O banco do condutor (e o do passageiro a partir do nível Allure Business) obteve a certificação AGR (Aktion für Gesunder Rücken, associação independente alemã de especialistas em ortopedia e ergonomia), em reconhecimento da sua ergonomia e das suas múltiplas regulações que, em opção a partir do nível Active, incluem regulação longitudinal e da inclinação do assento, bem como do apoio lombar (4 vias com comando pneumático elétrico).

Ambos os bancos dianteiros envolventes podem, também em opção, montar um sistema de massagem pneumática de 8 bolsas, com 5 programas diferentes de massagem. Em opção, podem também dispor de regulações elétricas de 8 vias com duas memórias.

Podemos também contar com muitos espaços de arrumação – até aos 32 litros de capacidade – repartidos pelo habitáculo, bem como diversas tomadas (4 entradas USB para dispositivos móveis, a partir do nível Allure, 1 jack no apoio de braços, 2 tomadas de 12V, uma delas na bagageira).

Esta experiência a bordo é igualmente reforçada por uma riqueza interior que contribui fortemente para a excelência do nível de qualidade percebida e da modernidade vivida no habitáculo. A escolha dos materiais e a sua perceção, bem como o rigor da montagem de todos os elementos, integram o universo das berlinas de luxo: couro pleine fleur ou Nappa, cromados acetinados, lacados a preto, Alcantara®, madeira natural (carvalho acinzentado no nível GT Line ou GT, ou essência de Zebrano exclusivamente no nível GT), etc. Um nível de excelência que se traduz também pela profusão de equipamentos de conforto e de segurança.

Para o seu sistema Hi-fi topo de gama, a marca recorreu, uma vez mais, à FOCAL®, grande especialista francês em sistemas acústicos.

Um nível impressionante de equipamentos e de ajudas à condução

Este novo Peugeot 508 oferece um conjunto de ajudas à condução de última geração em resposta, designadamente, às exigências dos testes de colisão EuroNCAP, cada vez mais elevadas:

- Sistema de visão noturna (Night vision) inédito no segmento;

- Travagem automática de emergência de última geração (deteta peões e ciclistas, de dia e de noite, até 140 km/h) e Alerta de risco de colisão;

- Alerta ativo de transposição involuntária da faixa (ou da berma);

- Alerta de atenção do condutor por câmara;

- Assistente automático de máximos;

- Reconhecimento dos sinais de velocidade e de recomendação;

- Reconhecimento alargado de sinais de trânsito (Stop, sentido proibido);

- Cruise Control adaptativo com função Stop & Go (com caixa automática EAT8);

- Ajuda à manutenção da posição na via de circulação (associado ao ACC Stop & Go);

- Sistema ativo de vigilância do ângulo morto.

O sistema inédito de visão noturna utiliza uma câmara de infravermelhos e permite a deteção de seres vivos à frente do veículo, de noite ou com visibilidade reduzida. A introdução do sistema garante a deteção até aos 200/250 m, para além do alcance das luzes de máximos, com uma visualização da visão de infravermelhos na instrumentação digital, no campo de visão do condutor.

Em condução urbana, o condutor dispõe, também, de sistemas de assistência para algumas manobras, como o Visiopark 2 (visão a 360°) ou mesmo a última geração do Full Park Assist com função perimétrica Flankguard (apenas com a caixa automática EAT8). Neste caso, o sistema gere automaticamente a direção, acelerador e travões para entrar e sair do lugar de estacionamento.

Os equipamentos conectados não foram esquecidos, sendo que o novo Peugeot 508 integra a função Mirror Screen, compatível com os protocolos MirrorLink®, Android Auto e Apple CarplayTM e com reconhecimento de voz (via smartphone) e admite o carregamento do smartphones por indução (norma Qi).

O pack Peugeot Connect está incluído na navegação 3D conectada com TomTom® Traffic e alarga-se agora às possibilidades oferecidas pelas novas tecnologias, em três domínios: navegação e segurança (Peugeot Connect SOS & Assistência), e manutenção (serviços telefónicos dos packs Peugeot Connect).

Eficiência e performance

Antecipando a futura norma europeia Euro 6.2d-temp, mais condicionadora, nomeadamente no domínio das emissões, o novo Peugeot 508 beneficia de toda uma nova geração de motores PureTech e BlueHDi (com tecnologia SCR) cumpridora dessa regulamentação, apresentando-se com valores de emissões de CO2 best in class.

Estas performances são ainda mais notáveis, dado que têm em conta os novos requisitos técnicos da norma WLTP, que consiste na harmonização entre os consumos homologados e os consumos obtidos em utilização pelos clientes.

Particularizando uma gama a comercializar a partir de novembro em Portugal, na oferta a gasolina são duas as novas propostas elaboradas com base no motor 1.6 PureTech: o PureTech 180 cv EAT8 e o PureTech 225 cv EAT8 (unicamente na versão GT).

- Na gama Diesel, estão disponíveis quatro opções construídas com base nas motorizações 1.5 e 2.0 BlueHDi - BlueHDi 130 cv CVM6 (constitui o acesso à gama e a única versão com caixa mecânica de seis velocidades), BlueHDi 130 cv EAT8, BlueHDi 160cv EAT8 e BlueHDi 180 cv EAT8.

A gama em Portugal será constituída pelos níveis Active, Allure, GT Line e GT. Logo desde o nível de entrada, o Active apresenta de série Touchscreen de 8’’ com Bluetooth e entrada USB, sensor de luz e chuva, Jantes em liga leve de 17”, Cruise Control Programável e Ajuda ao estacionamento traseiro. O coração de gama Allure acrescenta, entre outros, equipamentos como o touchscreen de 10”, Navegação Conectada 3D, ajuda ao estacionamento à frente, Pack Safety Plus, câmara de visão traseira. Nas versões mais desportivas, o GT Line e GT, o design mais exclusivo e ainda mais equipamento de série como Faróis Full LED, i Cockpit Amplify e jantes de 18’’ (GT Line) ou 19’’ (GT). Em adicional, e especialmente concebido para as empresas, surge o nível Business Line (base Active) recheado de equipamentos de série como JLL 16” (JLL 17” no caso do motor 2.0 BlueHDi de 160cv EAT8) com roda suplente, ajuda ao estacionamento dianteiro e traseiro, Navegação Conectada 3D com sistema de chamada de emergência eCall, sensor de luz e chuva e Pack Safety Plus (Pack Safety + Assistente automático de máximos + reconhecimento dos painéis de velocidade e preconização+ sistema ativo de vigilância do ângulo morto + sistema de alerta de fadiga por análise de trajetória).

autonews.pt @ 17-7-2018 15:17:33