Piloto de testes Maria de Villota morre em Sevilha

A piloto de testes espanhola Maria de Villota faleceu esta sexta-feira em Sevilha, três dias antes de apresentar o livro autobiográfico “La vida es un regalo” (A vida é um presente).

autonews.pt @ 11-10-2013 15:03:57

A ex-piloto de testes de Fórmula 1 tinha abandonado as corridas após sofrer um grave acidente em 2012, que lhe causou a perda de um olho e graves sequelas.


Maria de Villota, de 33 anos, encontrava-se em Sevilha para participar num ciclo de conferências onde iria apresentar a sua autobiografia na segunda-feira. Única mulher vice-campeã de Espanha (Fórmula Toyota, 2001) e a primeira a alcançar a “Pole position” no campeonato de Ferrari no circuito de Mugello, em 2005, Maria de Villota sempre se destacou no universo do automobilismo.

Filha do piloto espanhol de Formula 1 Emilio de Villota, experimentou desde muito cedo a sua paixão pelo automobilismo. Em 1996 disputou a sua primeira prova de karting, na qual obteve a primeira vitória, e a partir daí competiu em diversas categorias e monolugares como a Fórmula 3 espanhola, as 24 Horas de Daytona, a Euroseries 3000 e a Superleague Fórmula.

autonews.pt @ 11-10-2013 15:03:57