Em Fronteira também vão ter equipas de “Menino não entra”!

TT Vila de Fronteira

A grande maioria das 84 equipas que vão alinhar nesta 21ª edição das AFN 24 Horas TT Vila de Fronteira são compostas totalmente por homens, ou contam com uma presença minoritária de mulheres. A grande maioria, mas não a totalidade. Sim, porque há duas equipas que são o epíteto do Clube do Bolinha ao contrário, ou seja nestas equipas... “menino não entra”.

autonews.pt @ 30-11-2018 15:08:42

Sílvia Reis e Paula Marto; a segunda, com o número 85, é a de Isabelle Patissier, Lígia Albuquerque, Cristina Giampaoli e Jessye Murat.

Mas não é só por se tratarem de formações totalmente femininas que merecem destaque, pelo contrário. Cada uma das duas formações tem um particular que as torna ainda mais interessantes.

O quarteto do Suzuki Jimny (#59) é composto pelas mulheres da equipa número 4, de Amândio Alves, Rogério Reis, João Silva e Márcio Reis. É certo que a competirem com um MMP Evo3 do grupo Promo E os homens têm, à partida, melhores probabilidades de terminarem na frente, mas nunca se sabe e pode muito bem ser que o azar dite um interessante duelo entre maridos e mulheres.

Já a equipa do Propulsion Steenbok (#85) é plurinacional, com uma francesa, uma portuguesa, uma italiana e uma espanhola.

Duas equipas a acompanhar ao longo de toda a prova e que serão, certamente, mais um motivo de grande interesse nesta edição das AFN 24 Horas TT Vila de Fronteira.

autonews.pt @ 30-11-2018 15:08:42