Segurança mais avançada para os proprietários de carros Tesla

Assistência à condução

A marca lembra que apesar de não haver carros que consigam evitar todos os acidentes, continua a trabalhar para os diminuir, tendo agora anunciado duas novas funcionalidades que resultam da maximização da tecnologia que coloca nos seus carros.

autonews.pt @ 14-5-2019 20:46:37

Para coletar os dados do mundo real onde o carro circula, a Tesla equipa os sesus carros com oito câmaras, doze sensores ultrassónicos, um radar de longo alcance e os dados de muitos mil milhões de quilómetros que foram recolhidos junto dos condutores dos Tesla.

No início de maio a marca anunciou a introdução de duas novas funcionalidades de assistência à condução projetadas para ajudar a impedir que os condutores saiam sem querer da faixa onde circulam evitando assim colisões.

Este recurso permite que o condutor opte por ter ativada a correção automática feita pelo carro quando sai da faixa sem sinal de pisca. Caso isto aconteça, o sistema verifica se o condutor tem as mãos no volante, e envia uma série de alertas para alertar o condutor e caso não detete as mãos do condutor no volante, o sistema automático diminui gradualmente a velocidade do carro até 24 km abaixo do limite legal de velocidade da via de circulação e acende as luzes de emergência. 

Esta assistência à condução funciona a velocidades entre os 40 e os 140 km/h (funciona em conjugação com um outro recurso já existente de aviso para o condutor e que faz vibrar o volante quando o condutor sai fora da sua faixa sem assinalar com pisca).

A segunda funcionalidade que a Tesla passará a integrar gradualmente nos seus veículos através da atualização remota, é a prevenção de saída inadvertida para faixa de emergência de algumas estradas, evitando colisões pela proximidade do carro junto da borda da via de circulação.

autonews.pt @ 14-5-2019 20:46:37