Novo Renault Arkana

Uma abordagem híbrida ao estilo SUV-Coupé

Com o lançamento do SUV Coupé Arkana, a Renault reinventa os cânones tradicionais do mercado, para se tornar a primeira marca generalista a oferecer um SUV Coupé no velho-continente. Um modelo que complementa a oferta da Renault no segmento dos familiares compactos (Mégane, Kadjar e Scénic) e que visa o segmento SUV, que continua a crescer aceleradamente um pouco por todo o mundo.

autonews.pt @ 19-10-2020 13:10:33

O Novo Renault Arkana combina as caraterísticas de um SUV e de um Coupé, oferecendo avançadas tecnologias híbridas, com o melhor de ambos os mundos – uma confortável posição de condução sobrelevada, um generoso espaço habitável, uma apreciável capacidade para bagagens, bem como um estilo inovador e distinto.

O novo Renault Arkana assegura uma experiência de condução ainda mais ágil e entusiasmante, especialmente com o nível R.S Line e com a última e mais evoluída tecnologia totalmente híbrida – E-TECH Hybrid – para além da restante oferta de motores 1.3 TCe, associados a um sistema micro-híbrido de 12V.

O Novo Renault Arkana foi concebido para cumprir as expetativas dos diferentes mercados internacionais e espelha, na perfeição, a abordagem global do Grupo.  Na Europa, o Novo Arkana é baseado na plataforma modular CMF-B da Aliança, a mesma que também equipa as últimas gerações do Clio e do Captur.

O Novo Renault Arkana chegará ao mercado no primeiro semestre de 2021.

A combinação perfeita entre um Coupé e um SUV

O Novo Arkana possui uma elevada altura ao solo (190 mm), uma linha de cintura elevada e musculada que o encaixam na perfeição no mundo dos SUV. A linha descendente do tejadilho e da traseira criam um desenho mais ágil e elegante, que se estende aos vidros traseiros e que reforçam o aspeto dinâmico do Arkana, “capturando”, na perfeição, as características associadas ao estilo Coupé.

A grelha dianteira, com o símbolo da Renault posicionado orgulhosamente no centro, é ladeada por um acabamento e elementos cromados que transmitem ao Novo Arkana o necessário toque de elegância e sofisticação. Mais abaixo, o muito expressivo para-choques dianteiro reforça o dinamismo das linhas, enquanto a proteção inferior transmite uma imagem de acrescida robustez.

Os faróis dianteiros, integralmente em LED, apresentam a assinatura em forma de C, tão característica dos modelos Renault. A traseira também apresenta o mesmo traço distintivo em forma de C, complementado por uma faixa iluminada que se estende ao longo de toda a largura da tampa da mala, dando ênfase às linhas elegantes e distintas do Novo Arkana.

O perfil do Novo Arkana é um dos seus traços mais distintivos. Os contornos SUV-Coupé, que combinam robustez e dinamismo, são imediatamente reconhecíveis e tornam o Arkana único no segmento. O Arkana mede 4,568 mm de comprimento, 1,571 mm de altura e tem uma distância entre eixos de 2,720 mm. As dimensões gerais do modelo garantem linhas fluídas e um perfil elegante.

Novo Renault ARKANA R.S. Line

O Novo Arkana é o terceiro modelo da gama Renault (depois do Clio e do Novo Mégane) a oferecer uma versão com acabamentos R.S. Line, que combinam, na perfeição, a elegância com o dinamismo.

Esta vai beber a inspiração ao ADN desportivo da Renault e ao icónico Mégane R.S. O para-choques, com aplicações em vermelho, e as jantes sombreadas são detalhes exclusivos desta versão.  O emblema “R.S. Line” foi incorporada na zona lateral dianteira, enquanto na traseira sobressaem as duas ponteiras de escape cromadas e uma embaladeira escurecida, específicos desta versão R.S. Line.

O habitáculo da versão R.S. Line tem várias características  distintivas, nomeadamente um acabamento tipo carbono no tablier e revestimentos das portas, uma faixa vermelha que percorre o topo do tablier e um teto em tecido negro. Elegantes e desportivos pespontos em vermelho embelezam o volante em pele, assim como os bancos em pele e tecido e os painéis das portas, enquanto uma outra faixa vermelha acentua a cor dos cintos de segurança.

A completar este pacote de equipamento, temos os pedais desportivos em alumínio, um comando da caixa específico (e-shifter) no caso da versão E-TECH Hybrid, e, por fim, os emblemas R.S. Line que simbolizam este acabamento.


Design Interior

O Novo Arkana tem um painel de instrumentos digital a cores com 4.2”, 7” ou 10.2” (dependendo das versões) que oferece uma experiência de condução personalizada e intuitiva. Este é complementado por um ecrã central de 7” ou de 9.3”.

A consola central oferece inúmeros espaços de arrumação, incorporando um carregador sem fios para o smartphone, além de uma rede para guardar objetos do lado do passageiro. Também acomoda um travão de mão elétrico e automático, com função “auto hold”, que está disponível desde o nível de equipamento de entrada.

Nos níveis de equipamento superiores, o Arkana oferece um ecrã vertical de 9.3”, sensível ao toque, que dá um toque mais vanguardista ao habitáculo (nos outros níveis de equipamento está disponível um ecrã horizontal de 7”).

Nas versões E-TECH Hybrid, o Novo Arkana pode oferecer um comando da caixa eletrónico (e-shifter), sem ligação mecânica, similar ao que podemos encontrar nas versões de topo do Novo Captur e Espace.

O Novo Arkana oferece uma habitabilidade referencial para um modelo Coupé, especialmente atrás, com 211 mm de espaço livre para as pernas – o maior do segmento. Os 305 mm de espaço para os pés também são referência na categoria.

O Novo Renault Arkana tem uma generosa capacidade de carga, com uma bagageira de 513 litros de capacidade (438 litros na versão E-TECH Hybrid). Também conta com um fundo amovível que pode ser colocado na zona inferior para aumentar a capacidade de carga, ou em posição elevada para o transporte de objetos ou bagagem mais pesada.

Motorizações

Seguindo as “pegadas” do Clio, Captur e Mégane, a Renault vai adotar a mesma estratégia e integrar o inovador sistema híbrido E-TECH no Novo Arkana.

A motorização híbrida é a mesma que está disponível no Clio E-TECH Hybrid, que assegura que o Arkana arranque sempre no modo elétrico, oferecendo um acrescido prazer de condução em todas as situações.

Esta motorização oferece um excelente rendimento energético, graças à inovadora caixa multi-modo, ao evoluído sistema de recuperação da energia em travagem e à alta capacidade do sistema de carregamento da bateria automático. Com o sistema E-TECH, o Arkana pode rodar até 80% do tempo em cidade no modo elétrico, reduzindo assim até 40% as emissões de CO2 e os gastos de combustível, quando comparado com uma motorização convencional a combustão.

O condutor pode ainda tirar partido do sistema MULTI-SENSE, que permite selecionar modos de utilização distintos: My Sense para a condução diária, ECO para garantir consumos e emissões ainda mais reduzidos e Sport, que combina a potência dos motores para garantir melhores prestações dinâmicas.

A versão E-TECH Hybrid estará disponível em toda a gama Arkana em 2021, incluindo no nível de equipamento R.S. Line.

Uma revolucionária tecnologia híbrida

A inovadora motorização E-TECH Hybrid é original e exclusiva, tendo sido objeto de mais de 150 patentes. É baseada numa arquitetura que é conhecida como “série-paralelo”, que assegura o maior número possível de combinações entre os diferentes motores e os menores valores de emissões de CO2.

Este sistema é composto pelo mais recente motor 1.6 a gasolina desenvolvido pela Aliança, que foi devidamente adaptado para a tecnologia híbrida, dois motores elétricos – um elétrico e um motor de arranque/gerador de alta voltagem – e uma evoluída caixa de velocidades muti-modos sem embraiagem. Esta inovadora combinação dos motores elétricos com a caixa sem embraiagem otimiza e suaviza as passagens de caixa, enquanto a arquitetura – que é fruto do trabalho e experiência da Equipa Renault de Fórmula 1 – proporciona uma maior eficiência energética.

Ao incorporar os modos de gestão de energia desenvolvidos pelos especialistas da Equipa Renault de F1, a tecnologia híbrida E-TECH permite que o Arkana inicie sempre a marcha num modo inteiramente elétrico. Como num automóvel elétrico, a bateria regenera energia durante as desacelerações, travagens e até através do motor de combustão, utilizando o excesso de “energia” que não é necessária para mover o automóvel quando este se encontra no regime ideal de funcionamento.

TCe 140 e TCe 160: economia de combustível, agilidade e conforto

O Arkana também inclui o potente e eficiente motor de quatro cilindros, 1.3 TCe, com injeção direta de gasolina. Combinado com a caixa automática de dupla embraiagem EDC, o 1.3 TCe estará disponível, numa primeira fase, na versão de 140 cv e, posteriormente, na mais potente de 160 cv.

O novo Arkana também terá uma novidade sob o capot: o motor 1.3 TCe equipado com um sistema micro-híbrido, composto por um alternador/motor de arranque associado a uma bateria de iões de lítio de 12V posicionada sob o assento do passageiro.

Esta tecnologia beneficia o sistema start/stop e permite a regeneração de energia durante as desacelerações. Também assiste o motor de combustão durante as fases em que o consumo de combustível é maior, quando o 1.3 TCe arranca ou acelera. Reduz os consumos de combustível e as emissões de CO2, assegura uma maior suavidade sempre que o motor reinicia a marcha e garante um maior conforto na condução.

Uma gama completa de auxiliares de condução para acrescida segurança e conforto

O Novo Arkana conta com um alargado leque de inovadores sistemas de auxílio à condução, para uma maior segurança e serenidade, incluindo o sistema de Assistência em Autoestrada e Trânsito. Este pacote de sistemas auxiliares de condução assume a designação Renault EASY DRIVE.

O Sistema de Assistência em Autoestrada e Trânsito combina o regulador de velocidade adaptativo (com função Stop & Go) com o sistema de manutenção na faixa de rodagem, que inclusivamente funciona em curva até um determinado nível. No Novo Arkana o sistema funciona a velocidades entre os 0 e os 160 km/h e mantém a distância de segurança entre os veículos, enquanto o mantém centrado na faixa de rodagem.

Torna-se particularmente útil em condições de tráfego muito intenso (o tradicional pára-arranca) já que este, passados três segundos, trava e arranca o automóvel de forma automática e sem qualquer intervenção por parte do condutor.

O Sistema de Assistência em Autoestrada e Trânsito garante o nível 2 de condução autónoma, melhorando de forma evidente o conforto do utilizador, enquanto este mantém as mãos no volante e os olhos na estrada.

O sistema de regulação de velocidade adaptativo funciona entre os 0 e os 170 km/h e mantém, automaticamente, a distância de segurança para o veículo da frente.

Se o automóvel ficar “preso” num engarrafamento e precise de parar, o sistema desliga o motor de forma segura e reinicia-o ao fim de três segundos se o trânsito começar novamente a fluir. Depois de três segundos, é pedido ao condutor que pressione um comando no volante ou o pedal de acelerador.

O sistema de travagem ativo de emergência deteta ciclistas ou peões avisando o condutor de qualquer situação potencialmente perigosa. No caso de o condutor não reagir, o sistema pode ativar a travagem. Este sistema está sempre ativo, quer seja de dia ou de noite.

Este dispositivo dispõe de uma nova tecnologia de radar que deteta, de forma precisa e em todas as condições atmosféricas, todas as situações que se encontrem fora da visão do condutor nas laterais ou traseira. O utilizador é avisado do risco de colisão se optar por mudar de faixa ou se estiver a ser ultrapassado por um veículo mais rápido.

O sistema tira partido da câmara frontal para reconhecer os sinais e informar o condutor dos limites de velocidade, em tempo real, de forma a ajustar a velocidade.

Este duplo sistema é ativado acima dos 70 km/h e avisa o condutor, antes de ajustar a direção do automóvel, sempre que deteta uma mudança não intencional da faixa de rodagem, sem que esta seja devidamente sinalizada (acionado o pisca).

Quatro câmaras podem ser adicionadas à tradicional de marcha-atrás, oferecendo uma única imagem aérea que permite identificar todos os obstáculos ao redor do automóvel.

As câmaras de 360 graus são de utilização muito prática e simples e automaticamente ativadas sempre que é acionada a marcha-atrás. O sistema mostra duas imagens: uma visão frontal ou traseira de acordo com a relação de caixa selecionada e uma escolha entre a visão 360 graus ou um zoom feito pela câmara posicionada lateralmente no lado do passageiro.

Este sistema de ajuda à condução utiliza sensores de radar para informar o utilizador da passagem ou aproximação de veículos na retaguarda, quando este está a sair de um lugar de estacionamento, por exemplo.

O sistema Easy Park Assist facilita muito as manobras de entrada ou saída de um lugar de estacionamento. Um conjunto de sensores ajuda a controlar a direção, enquanto o condutor controla apenas os pedais e a caixa de velocidades.


Conetividade e personalização

Renault EASY LINK: um sistema multimédia ergonómico no coração de um ecossistema conectado.

Graças ao ecossistema EASY CONNECT da Renault, o Novo Arkana é parte integrante de um universo conectado de serviços acessíveis, através da aplicação MY Renault e do novo sistema multimédia Renault EASY LINK.

Este inclui uma ligação 4G permanente e serviços adicionais disponibilizados por parceiros como a Google (busca de moradas) e a TomTom (tráfego em tempo real e zonas de perigo).

Do controlo de funções do automóvel, à distância, a informações de tráfego em tempo real, incluindo navegação de porta-a-porta com as informações do destino enviadas para o automóvel, localização do automóvel e (brevemente) controlo remoto de abertura/fecho das portas, o objetivo de todos os sistemas é oferecer uma experiência de utilização única e conectada, tanto no interior do automóvel como no exterior, através de um smartphone. O sistema multimédia Renault EASY LINK e os mapas integrados também contam com uma função de atualização automática e regular graças à tecnologia sem fios “Over the Air”.

O sistema multimédia Renault EASY LINK está disponível em três configurações, todas elas compatíveis com o Android Auto e o Apple CarPlay:

- Com um ecrã de 7”

- Com um ecrã de 7” e sistema de navegação

- Com um ecrã de 9.3” e sistema de navegação

No sistema multimédia Renault EASY LINK, os utilizadores podem criar perfis e personalizar determinados ecrãs, utilizando widgets e permitindo a cada um o acesso direto às funcionalidades que mais valoriza.

A tecnologia Renault MULTI-SENSE dá aos condutores a capacidade de personalizar a experiência de condução de acordo com o seu estado de espírito. Interagindo com a gestão do motor, a assistência da direção, a luz ambiente e as configurações dos ecrãs digitais, as configurações do sistema MULTI SENSE oferecem vários automóveis num só, incluindo três modos pré-definidos:

-           ECO, para reduzir os consumos e as emissões poluentes

-           Sport, para maior reatividade e dinamismo

-           MySense (modo escolhido por definição), para uma experiência de utilização otimizada

As regulações do sistema Renault MULTI-SENSE estão facilmente acessíveis a partir da interface do novo sistema multimédia Renault EASY LINK ou de uma tecla dedicada no ecrã central. Com um único toque abrirá uma janela MULTI-SENSE, que permite aos condutores alterar as suas preferências, incluindo oito opções de iluminação ambiente. Dependendo do modo escolhido, os condutores podem visualizar um widget personalizado no ecrã do tablier, tal como o referente aos consumos no modo ECO ou aos indicadores digitais de potência e binário no modo Sport.

autonews.pt @ 19-10-2020 13:10:33

Galeria de fotos


Clique aqui para ver mais sobre: Auto News, Mercado Automóvel e Novidades