Hyundai exporta sistemas de Fuel Cell para a Europa

E no futuro poderá haver geradores de hidrogénio transportáveis

A Hyundai Motor Company começou hoje a enviar o seu sistema proprietário Fuel Cell para a Europa, para utilização de empresas fora do setor automóvel, incluindo uma empresa suíça de soluções de hidrogénio, GRZ Technologies Ltd. A decisão reforça a liderança da Hyundai no desenvolvimento e produção em massa de sistemas Fuel Cell para veículos e não só.

autonews.pt @ 22-9-2020 10:15:00

A Hyundai Motor tornou-se num fabricante de automóveis que exporta tanto os sistemas Fuel Cell como veículos elétricos Fuel Cell. A exportação do seu sistema Fuel Cell demonstra a tecnologia avançada e a capacidade de produção da Hyundai em apoiar negócios de energia ecológica, e promove a sua estratégia de se tornar uma Smart Mobility Solution Provider, com a tecnologia Fuel Cell a desempenhar um papel fulcral.

O sistema Fuel Cell da Hyundai Motor conta com décadas de experiência. A Hyundai introduziu o seu primeiro veículo elétrico a Fuell Cell em 2000, o Santa Fe FCEV, seguido do primeiro FCEV no mundo a ser produzido em massa, o ix35 em 2013, e a segunda geração do SUV Fuel Cell, o NEXO em 2018. Recentemente, a marca sul coreana enviou com sucesso as primeiras 10 unidades do XCIENT Fuel Cell, o primeiro camião de serviços pesados a Fuel Cell produzido em massa, para a Suíça também.

A Hyundai Motor e a GRZ Technologies têm vindo a promover cooperação na tecnologia de armazenamento de hidrogénio desde o ano passado. A GRZ tem a tecnologia para armazenar cerca de cinco a dez vezes mais hidrogénio que antes, com uma pressão inferior a 30 bar, o que é significativamente inferior à pressão de armazenamento de um tanque de armazenamento de hidrogénio normal, 200 a 500 bar. Prevê-se que esta tecnologia seja utilizada de várias formas através da cooperação das duas empresas no futuro.


Utilizando o sistema Fuel Cell da Hyundai, a empresa planeia produzir um sistema de fornecimento de energia fixo para gerar eletricidade em horas de ponta. O sistema Fuel Cell é baseado no sistema utilizado no Hyundai NEXO.

Adicionalmente, a Hyundai começou a enviar o sistema Fuel Cell para uma startup de soluções energéticas que produz geradores elétricos. Essa startup irá usar o sistema da Hyundai para produzir geradores de hidrogénio móveis.

“Os sistemas Fuel Cell da Hyundai, oferecem diversas aplicabilidades e redimensionamentos além de veículos sem emissões,” afirma Saehoon Kim Vice-Presidente e Diretor do Fuel Cell Center na Hyundai Motor Group. “Ao impulsionar o nosso sistema, os nossos parceiros em mobilidade, infraestruturas e energia, podem fazer potenciar ainda mais um ecossistema de hidrogénio abrangente.”.

Em julho, a Hyundai Motor anunciou um plano para responder à política Green New Deal do governo Sul Coreano, com a exportação dos sistemas Fuel Cell, ao mesmo tempo que procura continuamente diversificar o seu negócio de hidrogénio para assegurar a liderança no mercado global.

Em dezembro de 2018, a Hyundai Motor Group anunciou o seu plano a longo prazo, ‘Fuel Cell Vision 2030’, e reafirmou o seu compromisso em acelerar o desenvolvimento de uma sociedade a hidrogénio, alavancando a sua liderança global nas tecnologias Fuel Cell.

Como parte deste plano, a Hyundai Motor Group tem como objetivo assegurar uma capacidade de produção de 700.000 mil unidades por ano de sistemas Fuel Cell para automóveis, assim como para setores fora do ramo automóvel como embarcações, veículos ferroviários, drones e geradores de energia até 2030.

autonews.pt @ 22-9-2020 10:15:00


Clique aqui para ver mais sobre: Auto News, Mercado Automóvel e Novidades